155 Comentários para este Artigo
adalberto disse, em 1-11-2012 às 13:15:56    

resposta satisfatoria

Morgana disse, em 1-20-2012 às 16:54:01    

eficaz e eficiente são sinônimos, ou seja, querem dizer a mesma coisa, por isso que ninguém sabe diferenciar um conceito do outro: não há diferença!!!!! coisa de administrador que quer inventar coisa… já não há conceitos suficientes?

Neto disse, em 1-30-2012 às 21:18:03    

Valeu por todas essas explicações

Clayton disse, em 2-13-2012 às 19:04:37    

Ser eficaz é acabar com a dor de cabeça decaptando o doente, ser eficiente é tomar um remedinho e a dor de cabeça passar

Katia Aparecida Ferreira disse, em 2-22-2012 às 11:25:21    

Aprendi que ser eficiente e fazer um trabalho correto, sem erros e de boa qualidade. Ser eficaz e fazer um trabalho que atinja tal resultado esperado.

Carlos disse, em 3-7-2012 às 12:10:06    

Um general é eficaz quando ganha a guerra. É eficinte se ganhar com o menor número de perdas de soldados.

kleysson afonso disse, em 3-16-2012 às 14:32:54    

Todos os comentários dados a essa enquete com certeza são EFICIENTE e EFICAZES. Poque pra mim conseguiu algo impar que foi o resultado em equipe e isso sim é ser EFICIENTE E EFICAZ, pois somou a eficacia de uns e eficiência de outros. Chegando ao resultados pessoas felizes e satisfeitas com o que escrevem e pessoas felizes e satisfeitas com o que leram.

Paulo Roberto disse, em 3-19-2012 às 10:23:38    

Entrei aqui para esclarecer uma dúvida e acabei tendo uma aula ótima. Parabens pela postagem. O artigo foi mais de eficaz. Forte abraço.

Rosayres de Moraes da Silva disse, em 3-29-2012 às 15:06:33    

Eder,

Essa foi a melhor explicação sobre as palavras eficácia e eficiência de que já tive conhecimento. Como todo o texto sobre o assunto; claro, objetivo e inteligível.

Rosayres

Matheus disse, em 4-2-2012 às 17:00:15    

Eficácia
Alcance dos objetivos propostos por uma organização.

Eficiência
Melhor ou correta utilização dos recursos de uma organização.

carlos montenegro disse, em 4-12-2012 às 13:08:06    

Gostei..
parabens embora muitos
comentarios, todos levam
ao mesmo resultado espero que me ajude.
vou prestar concurso publico
e tem esse tema na area especifica.

bom trabalho.
gostei muito.

abrigado!

Eficácia ou eficiência? « Voo do Galo disse, em 4-26-2012 às 08:53:54    

[…] somos blog de português, mas é importante que o comunicador saiba a diferença dos dois conceitos. A eficácia é quando se consegue atingir a meta do planejamento e eficiência é quando se […]

Neudo Cordovil Araujo disse, em 5-18-2012 às 10:57:38    

Cada um deve se especializar na sua área de conhecimento. A meu ver os termos eficiência e eficácia estão mais associados à área de Administrasção.

gleidson disse, em 5-27-2012 às 03:16:11    

Meu professor de gestão disse que matar uma mosca com uma bazuca é eficaz, porém eficiente seria matar a mesma mosca com uma espingarda de chumbo. 😉

leila souza disse, em 6-6-2012 às 11:09:25    

Bom! seja efiente que vc chegará na eficacia.

Liliane Freire disse, em 6-10-2012 às 00:37:33    

acredito que ser eficaz é a realização do plano de negocio com um certo recurso e ser eficiente é realizar o mesmo plano com menor recurso possível. a eficiência é fazer o planejamento estrategico com o menor e melhor aproveitamento do recurso. Diminuindo os custos e assim aumentar os lucros. Isso na administração.

valeu.

Saulo André disse, em 6-12-2012 às 09:44:58    

Eficácia: Fazer o que foi planejado, dando os resultados planejados.

Eficiência: Fazer o que foi planejado, dando resultados melhores que os planejados.

Simples assim!

Paulo Ferreira disse, em 6-19-2012 às 11:10:35    

Em minha opinião eficiência é fazer muito com poucos recursos, e Eficácia não é mas do que atingir uma meta, os dois atingem a meta so que um com menos gastos. (eficiente)

José disse, em 7-24-2012 às 23:23:59    

Hoje meu professor de logística inovou, deu a seguinte definição:
Eficiência, está ligado a “quantidade” enquanto que Eficácia está relacionado a “qualidade”.

Jovelti A. Garcia disse, em 7-27-2012 às 15:52:46    

Caríssimos,
Depois de tudo o que lí e pesquisei ( e não foi pouco ), cheguei á conclusão de que:

Eficácia: atingir os objetivos propostos.

Eficiência: atingir os objetivos propostos da melhor forma possível ( sem desperdícios ).

Eder L. Marques disse, em 7-29-2012 às 13:49:31    

Olá Jovelti,

Você compreendeu o espírito da coisa!

Eder L. Marques disse, em 7-29-2012 às 13:51:45    

Oi José,

Acredito que seu professor, na tentativa de simplificar, acabou complicando um pouco as coisas. O texto – bem como os excelentes comentários – poderão te ajudar a esclarecer melhor o assunto.

Eldo Durães de Souza disse, em 8-3-2012 às 12:35:42    

Eficiência diz respeito a cada uma das partes executar bem o seu papel. Eficácia diz-se da compleição do processo, o alcançar o objetivo final.
Exemplos:
1)A Seleção Brasileira de Futebol de 1982 jogadores eficientes, lindos gols, lindas jogadas, mas a Itália é que foi eficaz: Ganhou o título de Campeã.
2)Imaginem dois times iguais ao Barcelona, com as mesmas pontencialidades de jogadores, de comições técnicas, equipamentos técnicos, empenho e desejo de levar o título. Na disputa no tempo normal, empate, na prorrogação, empate de novo; chegará um momento na disputa por pênaltes que uma equipe levará o título. Essa será a equipe eficaz embora ambas sejam eficientes.

hamilton disse, em 8-7-2012 às 08:34:57    

meu professor falou que a eficiencia e a eficácia sempre estão lado a lado, porém o que vai fazer realmente a diferença é a pessoa eficaz, ela terá um destaque a mais dentro da organização.

Jéssica disse, em 8-8-2012 às 12:38:04    

Engraçado meu professor disse as coisas totalmente ao contrário. Eficaz é fazer algo a mais, e eficente fazer o que foi pedido para fazer.

Jefferson disse, em 8-16-2012 às 17:27:04    

Eficaz dar minha explicação de eficaz.
Eficiente dar minha explicação de eficaz e apagar todos os demais comentarios daqui.

Cleia Marques disse, em 8-22-2012 às 17:22:34    

Eder gostei muito do tema; por incrivél que pareça me deparei na mesma situação em sala de aula essa semana. É bem isso como vc relatou muitos alunos ou não sabem ou não tinham confiança em falar a diferença de ser Eficiente e eficaz. (silêncio geral)
O tema é velho mais o assunto será sempre Novo.
Muito bom vou recomendar para minha turma.

Eder L. Marques disse, em 8-24-2012 às 01:17:53    

Oi Hamilton,

Concordo que eficácia e eficiência andam lado a lado, mas o destaque vai para os eficientes, que atingiram o objetivo (foram eficazes) utilizando menos recursos.

Ronaldo Vitoriano disse, em 9-6-2012 às 15:50:10    

Vou resumir o que minha professora me falou:eficiência é como o time do Barcelona jogou contra o Chelsea,Mas eficaz mesmo foi o Chelsea que venceu a partida com o gol do brasileiro Ramires.

ingrid siqueira disse, em 9-14-2012 às 14:42:17    

Maria foi a loja X para comprar uma nova TV para sua sala. O vendedor que atendeu Maria demonstrou todos os recursos da TV, suas funções detalhadamente, além de seus benefícios. Mas infelizmente não tem perícia em vendas e não teve jogo de cintura para fechá-la. neste caso o vendedor no caso da demonstração da TV foi:

Eder L. Marques disse, em 9-14-2012 às 21:38:13    

Oi Ingrid,

Considerando que nesse caso o objetivo do vendedor era que a cliente comprasse a TV, ele não foi nem eficaz nem eficiente, pois não atingiu o objetivo.

Ele teria sido eficaz se tivesse vendido a TV, e eficiente, por exemplo, se tivesse vendido dando o menor desconto possível.

Eder L. Marques disse, em 9-14-2012 às 21:41:10    

Oi Ronaldo,

No seu exemplo, o Barcelona não pode ter sido eficiente tendo perdido a partida, a menos que o objetivo não fosse vencer, o que é improvável.

Artilharia leve e eficaz – Vida Cancheira disse, em 10-3-2012 às 18:33:09    

[…] para o entendimento; apesar da eficácia dos ingleses, os gregos eram mais eficientes. Sim, eficácia e eficiência são coisas (BEM) […]

Jorge Costa disse, em 10-31-2012 às 14:34:03    

A sua definição é correta, porem muito confusa. Foi eficaz, mas não eficiente.

Luiz Guilherme disse, em 11-6-2012 às 17:54:25    

desde o ano passado venho estudabdo isso fiquei meio confuso mais até q fim estou bem esclarecido para fazer a prova outra vez que vai cair esse assunto.

Edinamar Tormim disse, em 11-7-2012 às 13:32:52    

Eficiente é aquele que faz, independente de certo ou errado. Eficaz é aquele que faz certo e atinge o objetivo.

Ismael disse, em 11-15-2012 às 16:24:50    

Dicionário Aulete

eficaz

A A A A
(e.fi.caz)
a2g.
1. Que produz ou realiza aquilo a que se destina (vacina eficaz). [ antôn.: Antôn.: ineficaz. ]
2. Que realiza bem e com eficiência as tarefas que lhe cabem (secretária eficaz); CAPAZ; PRODUTIVO
3. Que contribui, que é útil para que se atinja certo resultado,: Sua orientação e seus conselhos foram muito eficazes e eu fiz uma boa prova.

[Superl.: eficacíssimo.]
[F.: Do lat. efficax, acis. Sin. ger.: eficiente.]

Read more: http://aulete.uol.com.br/eficaz#ixzz2CJyAyVV2

eficiente

A A A A
(e.fi.ci:en.te)
a2g.
1. Que consegue o efeito esperado.
2. Que realiza bem tarefa, trabalho etc., obtendo bons resultados com um mínimo de dispêndio (tempo, recursos, energia etc.), ou dentro dos padrões aceitáveis
3. Que dispõe de qualidades, recursos, equipamento etc. para realizar certa tarefa ou obter certo resultado em boas condições (com um mínimo de erro, dispêncio, risco etc.)
4. Que, em geral, desempenha suas funções com produtividade e dentro dos padrões e normas exigidos
[F.: Do lat. efficiens, entis. Sin. ger.: eficaz. Ant. ger.: ineficiente.]

CONCLUSÃO

EFICIENTE COMPORTA A EFICÁCIA (RESULTADO DESEJADO)DE MANEIRA MAIS ECONÔMICA, MENOR TEMPO ETC, OU SEJA MELHOR.

Read more: http://aulete.uol.com.br/site.php?mdl=aulete_digital&op=loadVerbete&pesquisa=1&palavra=eficiente#ixzz2CJxzP5su

Eder L. Marques disse, em 11-19-2012 às 13:50:49    

Olá Edinamar,

Obrigado pelo seu comentário.

Conforme já foi explicado no post e em diversos comentários, é ilógico dizer que alguém foi eficiente se este não atingiu os objetivos. Para ser eficiente não basta apenas fazer, mas fazer o que é necessário e da melhor maneira possível.

Filipe Daniel disse, em 11-26-2012 às 05:36:22    

Eficiencia: retrata-se dos mecanismos ou metodos de como realizar um trabalho.

Eficacia: realça o resultado final da eficiencia, sendo que as empresas atuais querem apenas o resultado final, sem importar-se de maneiras a usar para concretizar a meta.

Ademilde disse, em 1-16-2013 às 14:29:01    

A diferença entre eficaz e eficiente está bem clara; ou podemos dizer eficiente?
Abraço 🙂

Fabio disse, em 2-8-2013 às 21:33:22    

olá eder….

então só podemos mensurar eficiência dentre todos que obrigatoriamente foram eficazes, correto?

Eder L. Marques disse, em 2-22-2013 às 09:45:09    

Olá Fábio,

É exatamente isso! \0/

Um abraço,


Eder L. Marques

Eder L. Marques disse, em 2-22-2013 às 09:46:39    

Oi Bruno,

Não é bem assim. Veja o comentário do Fábio.

Obrigado.

paulo josé gonçalves de souza disse, em 3-22-2013 às 11:45:43    

Concordo com inúmeras respostas. Sempre tive este conceito de que uma pessoa eficaz é aquela que faz as coisas certas e eficiente é a pessoa que faz certo as coisas.

Estevão disse, em 3-27-2013 às 07:25:50    

Eu diria eficiente como o melhor modo de chegar a eficacia

Eficacia seria o melhor resultado obtido

e pra mim só se pode analisar como foi a eficiência se obtiver em mãos os resultados (eficácia).

Estou certo?

Sérgio disse, em 4-19-2013 às 22:16:40    

Entendo a diferença entre ser eficiente e ser eficaz de maneira um pouco diferente.
O simples fato de finalizar uma tarefa não caracteriza sua eficácia porque ela pode ter sido realizada e não cumprir o que se propunha. Quando se mensura o resultado da atividade e se constata que ela realmente cumpriu o que dela se esperava, então podemos dizer que ela foi realizada com eficácia.
Enquanto a eficiência está relacionada com a realização em si, uma inferência qualitativa, a eficácia requer uma avaliação mais profunda do propósito do que está sendo realizado: uma inferência quantitativa, um juízo de valor, uma mensuração.
Qual é o proposito de vender? Realizar o desejo do vendedor, do cliente ou de ambos?
Vender toda a cota no prazo implica ser eficaz? Antes do prazo implica ser eficiente? Qual a qualidade dessas vendas? E se as vendas foram feitas mediante promessas que não possam ser cumpridas? Em longo prazo essas vendas se sustentarão?
Então vender de qualquer maneira e atingir as metas podem ser um indicativo de eficiência, más qual era realmente esse o propósito? Pode-se garantir que ele se repetirá com o mesmo público? O cliente ficou satisfeito e voltará a comprar? Se sim, então o vendedor foi eficaz.
Usando outro exemplo: Municiada, uma arma dispara todas as vezes que o gatilho e pressionado: é eficiente. Acerta o alvo? Se sim é eficaz. Mirando no alvo e disparando é possível que ela produza resultados coerentes (tecnicamente, que seja precisa), entretanto isso não significa que o alvo seja necessariamente atingido (tecnicamente, que sejam disparos exatos). O resultado esperado é atingir o alvo: ser eficaz.
Mais outro exemplo: Qual o proposito de tratamento de determinada doenças: Desejável a cura, porem aceitável pelo menos os seu controle. Pois bem: os coquetéis anti-aids controlam a doença, portanto são eficientes no seu tratamento. Porém não são eficazes porque não curam a doença.

Obrigado

Max Ribeiro Mestre disse, em 4-23-2013 às 13:36:03    

Olá Eder,
os seus exemplos e respostas foram bem claros e me fez compreender os termos.
Obrigado!

Eder L. Marques disse, em 4-23-2013 às 14:09:28    

Oi Estevão,

Na verdade, só podemos falar em eficácia quando chegamos ao resultado desejado, quer seja ganhar uma partida de futebol, vencer uma licitação ou bater uma meta de vendas.
Já a eficiência é uma análise feita em relação aos resultados eficazes, e parte dos pressupostos da tarefa em questão.

Exemplo: dois motoristas têm 10 entregas para fazer em um dia.
a) Ambos entregaram as 10. Ambos foram eficazes. O 1o utilizou menos gasolina que o 2o, então o 1o foi eficiente.
b) Um entregou 10, o outro entregou 9. Então apenas um foi eficaz. Não tem sentido dizer que ele foi mais eficiente do que o outro, já que este sequer completou a tarefa.

Eder L. Marques disse, em 4-23-2013 às 14:17:11    

Oi Paulo,

Tenho a impressão de que esses “trocadilhos” com os conceitos são coisas de professores que não entendem bem o conceitos, e mais confudem do que ajudam. Na minha humilde opinião, “fazer as coisas certas” e “fazer certo as coisas” não nos diz muito.

Antonio, Roberto e Cláudia estudavam no mesmo colégio, e tinham que tirar no mínimo um 7 para passar de ano.
Antonio tirou 6, Roberto 8 e Cláudia 9.
Nesse caso, o que é “a coisa? Passar de ano? Tirar 7 ou mais?
Quem fez a coisa certa?
Vocês fizeram certo as coisas?

Percebe que o conceito de “coisas certas” vs “certas as coisas” não ajuda?

Seria muito mais fácil dizer que será considerado eficaz quem cumprir a meta (passar de ano), e eficiente quem fizer isso da melhor maneira possível. Considerando _apenas_ a questão nota, Cláudia foi mais eficiente que os demais.

Eder L. Marques disse, em 4-23-2013 às 14:36:15    

Olá Sergio,

Acredito que em alguns momentos você misturou um pouco os conceitos.

Quando estamos dizendo que algo é eficaz ou eficiente, estamos estabelecendo critérios de avaliação. Saber qual é o proposito de vender pode levar a diversas respostas dependendo de a quem a pergunta é feita (marketing, comercial, acionista, etc).

Classificar algo como eficaz ou eficiente não deixa de ser um juízo de valor, e assim assume certas premissas, e podem variar dependendo do ângulo observado.

Ex. Para o gerente de vendas, o vendedor eficaz é àquele que bateu a meta estabelecida.
Para o gerente de recursos humanos, o vendedor eficaz pode ser aquele que trata bem os clientes, chega no horário e não apresenta absenteísmo.

O importante é que _todos_ sejam classificados utilizando as mesmas condições, ou seja, ora o gerente considere eficaz quem bata a meta de vendas, ora quem venda o mínimo possível a crédito.

Um exemplo de mudança de ângulo é exatamente seu exemplo sobre doenças e seus respectivos medicamentos.

É sabido que até o momento algumas doenças tem cura e outras não. A partir disso, a indústria farmaceutica cria medicamentos.
Um anti-inflamatório é criado com o objetivo de eliminar uma infecção, logo pode ser considerado eficaz se cumprir com esse objetivo.
Já o coquetel anti-aids não é criado com o objetivo de curar a doença, mas de controla-la, logo não pode ter sua eficácia medida por algo que ele não se propõe a fazer. Ninguém compra o coquetel achando que irá ficar curado. Ninguém toma insulina para curar a diabetes, mas para controla-la, então não posso dizer que a insulina é ineficaz por não ter curado a pessoa.

Nesse caso, a eficácia de curar ou não a aids está relacionada à pesquisa científica nessa área, e não ao coquetel. O coquetel, até então, é eficaz em seu objetivo de controlar a doença.

Abraços,

Eder

Deixe um comentário

 Nome (*obrigatório)

 E-mail (*não será exibido)

 Website (*opcional)

Avise-me quando alguém postar uma nova mensagem aqui

Nota: caso seja seu primeiro comentário, aguarde a moderação

Sobre o site

    Gestão, Marketing e Finanças na era da informação. Melhor desempenho com menores gastos. Marketing mais efetivo, relacionamentos mais produtivos . Como gerenciar melhor suas finanças e seu tempo.
    Artigos, dicas e truques por Eder L. Marques.

Categorias

Artigos recentes

Comentários

  • Hyung Jun Kim: Acredito que seja um livro muito útil aos brasileiros. Considerando a falta de uma boa disciplina...
  • Jocimar Cintra Marques: Bom Dia! Realmente é um livro muito bom! Vale a pena comprar, vocêvai ter uma excelente...
  • NFM: O aperto de mão fala, surpreendente com a importancia de um aperto de mão sincero.
  • Fernando Carvalho: Caros, Infelizmente, na internet, pessoas com pouca ética e preguiça de pesquisar profundamente...
  • Michele Ochoski: Olá! Muito bom o artigo, me ajudou muito! Preciso de uma cadeira boa porque trabalho o dia todo...

Visite também

Arquivos